Sobre a Toyota do Brasil

A Toyota do Brasil está presente no País há mais de 60 anos. Possui quatro unidades produtivas localizadas nas cidades de Indaiatuba, Sorocaba, Porto Feliz e São Bernardo do Campo e emprega mais de 5 mil pessoas. Em 2020, lançou a Kinto, sua nova empresa de mobilidade, para oferecer serviços como aluguel de carros e gestão de frota para uma sociedade em transformação. Também reforçou sua marca GAZOO Racing por meio de iniciativas que desafiam a excelência dos seus veículos. Tem como missão produzir felicidade em larga escala e, para isso, está comprometida em desenvolver carros cada vez melhores e mais seguros, além de avançar nas soluções de mobilidade. A empresa contribui com a sociedade por meio do próprio negócio, com ações que visam diminuir o risco de acidentes, melhorar o tráfego de veículos e aumentar o uso de energias renováveis, e sendo uma boa cidadã corporativa. Junto à Fundação Toyota do Brasil, tem iniciativas que repercutem nas 17 metas de desenvolvimento sustentável.

Produção Toyota

Produção TDB vs. Mercado 2019 2020 2021 2021 (YTD Jan – Abr) 2022 (YTD Jan – Abr) Δ% (YTD vs. YTD)
21 x ’20 21 x ’19 22 x ’21
IDT 63.444 47.308 55.280 18.628 18.946 17% -13% 2%
SOR 124.432 68.656 116.712 33.033 51.543 70% -6% 56%
Total 187.876 115.964 171.992 51.661 70.489 48% -8% 36%
Mercado 2.803.818 1.904.714 2.070.562 788.000 681.000 9% -26% -14%

Exportação Toyota

Exportações TDB 2019 2020 2021 2021 (YTD Jan – Abr) 2022 (YTD Jan – Abr) Δ% (YTD vs. YTD)
21 x ’20 21 x ’19 22 x ’21
Corolla 7.426 9.623 12.813 4.356 5.773 33% 73% 33%
Cross 16.782 2.460 11.340 361%
Etios 17.283 13.411 17.730 7.967 7.741 32% 3% -3%
Yaris 17.283 13.411 17.730 3.906 4.511 57% 69% 15%

Vendas Toyota

’19 ’20 ’21 ’21 (YTD Jan-Abr) ’22 (YTD Jan-Abr) Δ% (YTD vs. YTD)
21 x ’20 21 x ’19 22 x ’21
TTL Mercado 2.371.193 2.058.315 2.119.851 703.000 552.000 3% -11% -21%
TTL TDB 215.207 137.897 173.428 46.532 56.784 26% -19% 22%
% MKT Share 9,1% 6,7% 8,2% 6,6% 10,3%
Etios (HB+SD)* 33.263 14.017 2.810 2.252 2 -80% -92% -100%
Yaris (HB+SD) 66.711 37.759 34.702 13.176 11.671 -8% -48% -11%
Corolla 56.708 40.158 40.339 12.567 12.839 0% -29% 2%
Corolla Cross 34.353 1.926 14.441
RAV4 3.161 3.220 815 262 22 -75% -74% -92%
Prius 853 51 3 3 0 -94% -100% -100%
Hilux 40.355 32.395 45.884 12.560 13.554 42% 14% 8%
SW4 14.012 10.284 14.514 3.782 4.255 41% 4% 13%
Camry 144 13 8 4 0 -38% -94% -100%

Participação nas vendas de veículos eletrificados no Brasil – Jan – Abr 2022

  • Total de venda veículos híbridos-elétricos no Brasil: 12.991
  • Total de unidades comercializadas pela Toyota: 7.900 (61% das vendas no País)
    • Corolla Híbrido: 2.638
    • Corolla Cross Híbrido: 5.240
    • RAV4 híbrido: 22

Colaboradores Toyota do Brasil

Unidade Número de colaboradores
Indaiatuba (SP) 1.504
São Bernardo Campo (SP) 553
Sorocaba (SP) 3.339
Porto Feliz (SP) 577
CD Guaíba (RS) 18
CD Vitória (ES) 1
Office Brasília (DF) 2
Total 5.994

Investimentos realizados nos últimos 10 anos

2012 Inauguração fábrica Sorocaba R$ 1bi
2015 Expansão da produção em Sorocaba R$ 100mi
Abertura de CD em Suape (PE) R$ 2.4mi
2016 Construção planta de Porto Feliz (SP) R$ 580mi
Projeto SBC Reborn R$ 70mi
Expansão planta de Porto Feliz (SP) R$ 600mi
2017 Produção Yaris R$ 1.6bi
2018 Modernização planta de Indaiatuba (SP) R$ 1bi
2019 Produção Corolla Cross R$ 1bi
2022 Modernização planta de Indaiatuba (SP) R$ 50 mi
TOTAL R$ 6bi

Previsões de mercado – visão da Toyota do Brasil

Mercado 2022
Mercado automotivo 2,2 milhões de unidades (+3,8% vs. 2021)
Toyota
Produção 210.000 unidades
(+32% vs. 2021)
Vendas 194.000 unidades
(+13% vs. 2021)
Exportação 75.000 unidades
(+56% vs. 2021)

Posicionamentos da Toyota do Brasil

Quanto à transferência das operações da planta de São Bernardo para unidades no interior de SP

A Toyota do Brasil informa a transferência da sua operação industrial de São Bernardo do Campo para as cidades onde já atua – Sorocaba, Indaiatuba e Porto Feliz – no interior do Estado de São Paulo. A iniciativa tem por objetivo buscar mais sinergia entre suas unidades produtivas e faz parte de seu plano em busca de mais competitividade frente aos

desafios do mercado brasileiro e da sustentabilidade de seus negócios no País.

A mudança será feita de forma gradual a partir de dezembro de 2022 com conclusão prevista para novembro de 2023. É importante dizer que o movimento prevê manutenção de emprego, ou seja, será oferecida oportunidade a 100% dos colaboradores que hoje trabalham na operação do ABC paulista.

Atualmente, a planta de São Bernardo do Campo conta com cerca de 550 pessoas e é o local onde são produzidas peças que equipam modelos produzidos no Brasil, Argentina e Estados Unidos.

A Toyota reforça seu compromisso com o futuro e com a mobilidade, e sua missão de desenvolver carros cada vez melhores. Diversas atividades vêm sendo conduzidas nessa direção, tais como a renovação do portfólio com a chegada do Corolla Cross, a introdução do terceiro turno em Sorocaba, a exportação de motores de Porto Feliz para a América do Norte e o investimento de R$ 50 milhões na operação de Indaiatuba, que produz o Corolla sedã.

*Atualizado em abril/ 2022

Quanto à competitividade na indústria brasileira

O Brasil deve ter uma agenda competitiva robusta e clara, que permita ao setor privado trabalhar com previsibilidade, planejar investimentos no horizonte de longo prazo. Isso fortalece os diversos setores da economia e sociedade:

  • Setor privado (capacidade de trazer recursos e lucratividade);
  • Governo (mais impostos e estabilidade econômica);
  • Sociedade (mais empregos, melhores produtos e serviços).

 

A previsibilidade é importante para fazer investimentos de longo prazo – se não tivermos, não podemos garantir investimentos na região. A TDB é a única montadora com 100% de sua operação localizada no Estado de São Paulo – mais de R $ 6 bilhões investidos nesta década.

Quanto ao mercado de veículos híbridos-elétricos no país

O caminho da eletrificação no Brasil começa pelos híbridos. Os motivos:

1. Infraestrutura pronta, dispensa investimentos adicionais e reformulação da cadeia;

2. Etanol provém de uma fonte abundante no Brasil, gera emprego e renda no País.

Etanol, combustível limpo e renovável, tem no seu ciclo vida baixíssimos níveis de emissão de CO2. Em 2020, a venda de veículos eletrificados no Brasil superou a dos últimos 10 anos: 20 mil unidades. Até 2025, a Toyota terá uma versão híbrida para cada modelo comercializado na região. Em um País com forte vocação para biocombustíveis, os veículos híbridos flex são a opção mais viável para incentivar a economia e realizar uma transição para agenda de neutralidade de carbono.

Otimizamos sua experiência durante a navegação através do uso de cookies. Continuando em nosso site, entendemos que você está de acordo com nossa Política de Cookies e de terceiros, assim como nossa Política de Privacidade.